BBC HomepageFale com a gente
BBC Brasil
28 Abril, 2000 Publicado às 15:00 GMT
O Mundo Hoje
Especial
BBC e Você
Ivan Lessa
Sobre a BBC
Aprenda inglês

BBC Rádio
Programação
De Olho no Mundo
Como sintonizar


Outros sites
da BBC
BBC World Service
BBC News Online
Aprenda Inglês
Em espanhol
Em russo
Em árabe
Em chinês (mandarim e cantonês)
O projeto do primeiro telescópio espacial
Galáxia espiral
Galáxia espiral NGC 4414: Testemunho da visão do Hubble
Apesar da lembrança de seu espelho defeituoso, é notório que o Telescópio Espacial Hubble teve um profundo impacto na astronomia.

Nosso progresso no entendimento do Universo tem sido governado pela tecnologia. O Hubble, com sua visão poderosa, nos mostrou esplêndidas e novas visões, além de nos aproximar mais ainda das grandes perguntas da existência.


A história do Hubble
1977 - Início do projeto
1985 - Construção do Hubble
1990, 24 Abril - Lançamento do Hubble
1990, 18 Maio - Primeira luz
1993, Dezembro - Defeito reparado
2000, 24 Abril - 10 anos do Hubble
2010 - Fim da missão Hubble
A um século, astrônomos nos Estados Unidos começaram a construir telescópios reflexivos gigantes, sem precedentes no tamanho e visão. Um deles, o refletor do Monte Wilson de 2,5 metros de diâmetro, faria uma das maiores descobertas científicas da história.

Esta descoberta foi feita pelo astrônomo Edwin Hubble. Ele observou as galáxias distantes com o refletor e descobriu que o Universo estava se expandindo. Em homenagem a ele o efeito foi nomeado - a lei de Hubble.

Big Bang

Isto significou que o Universo teve origem em uma explosão cataclísmica que hoje nós chamamos de Big Bang. Mas a grande pergunta era: qual a idade do Cosmo? Responder a esta pergunta requeria um telescópio novo.

Foram construídos telescópios maiores, como o poderoso Monte Palomar - um refletor de 5 metros de diâmentro, mas logo ficou claro que algo bastante diferente seria necessário.

A demanda era de um telescópio novo que não tivesse que atravessar a atmosfera nebulosa e turbulenta; um telescópio novo que tivesse uma visão clara do Espaço. Em outras palavras, um telescópio de fato no Espaço.

Os astrônomos sempre quiseram um telescópio espacial e é surpreendente como se levou tanto tempo para colocar um em órbita.

Ciência do foguete

Em 1920, o pioneiro em lançamento de foguetes Hermann Oberth escreveu sobre um telescópio em órbita ao redor da Terra. Por volta dos anos 50 e 60, relatórios e projetos preliminares foram gerados, mas nada passou das pranchetas de projeto.

Mas nos anos 70, o projeto entrou em execução. Quase todos os astrônomos começaram a conversar sobre a promessa de um telescópio espacial.


Ônibus Espacial
O telescópio foi colocado em órbita pelo Ônibus Espacial da Nasa
O Hubble foi originalmente projetado para ser muito maior, mas no final ele teve um espelho de 240 cm - não muito grande para os padrões telescópicos. Mas estando em órbita, fazia toda a diferença.

Ele foi então batizado de Telescópio Espacial Hubble, para homenagear o famoso astrônomo. Ele poderia ver muitas vezes mais distante que qualquer outro telescópio e mediria com precisão o tamanho do Espaço.

Mas com as preparações finais para o lançamento do Hubble já concluídas, aconteceu o desastre com a Challenger (1986) que debilitou a frota espacial norte americana. O Hubble teve que esperar.

E quando os cientistas armazenaram os espelhos do Hubble em um compartimento superprotegido e limpo, eles não imaginavam que no mais oculto de sua estrutura adormecia um defeito quase fatal.

Texto: Dr David Whitehouse; Imagens cortesia do Space Telescope Science Institute




A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo dos links indicados.
   
Para cima
   
© BBC World Service
Bush House, Strand, London WC2B 4PH, UK.
Notícias e áudio em 43 línguas