Atiradora curda escapa por pouco de tiro na cabeça em batalha contra Estado Islâmico
A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

Atiradora curda escapa por pouco de tiro na cabeça em batalha contra Estado Islâmico

Uma combatente de uma tropa de mulheres curdas (YPJ - Women's Protection Unit) escapou por muito pouco de um tiro mortal vindo na direção de sua cabeça quando estava em confronto contra membros do grupo autodenominado Estado Islâmico em Raqqa, na Síria.

O vídeo mostra o momento em que a bala passa rente à sua cabeça e atinge a parede.

A jovem comemora bastante após ter escapado da morte e pede aos colegas presentes que interrompam a gravação de celular. "Chega, chega de filmar!", disse.

A cidade de Raqqa é um dos mais importantes bastiões do Estado Islâmico e alvo de intensos combates nas últimas semanas.

Forças apoiadas por uma coalizão liderada pelos EUA tentam retomar o controle da cidade com bombardeios e enfrentamentos em solo.

Segundo a ONU, apenas neste mês foram mortos ao menos 173 de civis na cidade.