A ilha grega em que refugiados são bem-vindos
A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

A ilha grega em que refugiados são bem-vindos

Tilos não parece ser uma ilha apenas em termos geográficos.

A localidade grega destoa do tom de intolerância adotado no país e na Europa diante de refugiados.

Com apenas 800 habitantes, deu abrigo definitivo a pelo menos 50 sírios fugindo dos horrores da guerra civil que há seis anos devasta o país.

Os refugiados foram instalados em casas, não em acampamentos, e são estimulados a se integrar à sociedade local, recebendo aulas de grego e oportunidades no mercado de trabalho.

"Somos uma ilha pequena, mas queremos dar o exemplo de que pequenos esforços podem ajudar acabar com a crise de refugiados, que é uma crise humanitária", explica a prefeita, Maria Kamma.

Desde 2015, mais de 1 milhão de refugiados desembarcaram no litoral grego.

Tópicos relacionados