Europa

Baixas temperaturas matam dezenas na Europa

Player

Para executar este conteúdo em Java você precisa estar sintonizado e ter a última versão do Flash player instalada em seu computador.

Executar com Real Media Player OU Windows Media Player

Baixas temperaturas causaram a morte de dezenas de pessoas na Europa, além de provocar o cancelamento de vários voos e de prejudicar o tráfego ferroviário e rodoviário.

A maioria das mortes ocorreu na Polônia.

No sul da Alemanha, os termômetros chegaram a marcar - 33ºC. O terceiro maior aeroporto do país, em Dusseldorf, foi fechado por causa de uma forte nevasca.

Na Bélgica, os três maiores aeroportos - em Bruxelas, Charleroi e Liège - foram fechados. Também foram registrados atrasos e cancelamento de voos no aeroporto de Schiphol, em Amsterdã.

Na França, 40% dos voos que deixam os aeroportos Charles de Gaulle e Orly, em Paris, foram cancelados, quando uma segunda onda de nevascas atingiu o norte do país.

As autoridades na capital russa, Moscou, disseram que estão colocando em operação nove mil máquinas para retirar a neve das ruas.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.