Teto de palácio desaba em Roma

Player

Para executar este conteúdo em Java você precisa estar sintonizado e ter a última versão do Flash player instalada em seu computador.

Executar com Real Media Player OU Windows Media Player

Parada obrigatória de qualquer turista em Roma, o palácio dourado de Nero, Domus Aurea, foi interditado nesta quarta-feira depois que parte do teto desabou.

Construído no primeiro século depois de Cristo, em um dos sete montes de Roma, de frente para o Coliseu romano, o prédio atrai milhares de visitantes todo o ano, mas estava fechado para reformas quando o acidente aconteceu.

Ninguém ficou ferido, mas parte do jardim caiu dentro do palácio. As autoridades interditaram uma área de cerca de cem metros quadrados.

Tecnicamente, a área não faria parte do palácio dourado e portanto não representaria risco aos visitantes.

Nero construiu o palácio para festas depois do grande incêndio que destruiu Roma no ano 64.

O prédio era parcialmente folheado a ouro e tinha paredes decoradas com pedras semi-precisosas e afrescos.

Depois da morte de Nero, no ano 68, todas as riquezas foram retiradas, e o prédio enchido com terra.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.