Ásia

Líder de oposição tailandesa escapa da polícia por janela de hotel

Player

Para executar este conteúdo em Java você precisa estar sintonizado e ter a última versão do Flash player instalada em seu computador.

Executar com Real Media Player OU Windows Media Player

Um dos líderes da oposição ao governo da Tailândia teve sua fuga de um cerco da polícia filmada por várias câmeras de televisão nesta sexta-feira. O oposicionista fugiu descendo por uma corda do terceiro andar do hotel onde estava acampado com outros manifestantes.

Arisman Pongruangrog é um dos seis líderes ativistas que estava no hotel CS Park e que há cinco semanas vem reunindo milhares de manifestantes em protestos no país.

Nas imagens da fuga, Pongruangrog é mostrado descendo por uma corda de uma sacada do terceiro andar do hotel de luxo e chegando até um veículo no qual outros membros do movimento já o esperavam.

A perseguição foi chamada de "cena de filme de 007" pela imprensa local. A fuga de Pongruangrog e dos outros líderes dos protestos é um episódio constrangedor para o governo tailandês.

O vice-primeiro-ministro, Suthep Thaugsuban tinha anunciado na televisão que a operação, que mobilizou muitos policiais, resultaria na prisão dos líderes oposicionistas.

Os oposicionistas, conhecidos como camisas-vermelhas, estão acampados no centro da capital, Bangcoc. Eles querem eleições antecipadas e afirmam que o atual primeiro-ministro, Abhisit Vejjajiva, não é um líder reconhecido do país, pois não foi eleito por voto direto, mas pelo Parlamento.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.