Grã-Bretanha

Brasileiros apresentam queixas de violência contra polícia de Londres

Player

Para executar este conteúdo em Java você precisa estar sintonizado e ter a última versão do Flash player instalada em seu computador.

Executar com Real Media Player OU Windows Media Player

Duas queixas de brasileiros envolvendo violência da polícia londrina foram divulgadas nesta sexta-feira aqui em Londres.

Em um dos casos, na madrugada do dia 18 de abril, quatro jovens e uma adolescente, músicos evangélicos, voltavam de um culto quando teriam sido confundidos com traficantes de drogas. O carro em que estavam teria sido fechado por uma viatura policial.

“Fomos tirados do veículo, bruscamente jogados no chão. Eles (os policiais) colocaram os pés e armas na nossa cabeça, começaram a chutar e não sabíamos por que”, contou o mecânico Thiago Antonio Murador, de 26 anos, que também disse ter levado um chute que, segundo ele, resultou em uma fratura na costela, além de ter sido vítima de uma arma de choque.

O outro caso é do marceneiro brasileiro Mauro Bicalho, de 44 anos. Depois de uma discussão com um vizinho, ele foi preso, no dia 1 de dezembro de 2009. Na hora de ser algemado, seu braço teria sido torcido com tamanha brutalidade que sofreu uma lesão no ombro. Quase seis meses depois, ele diz que ainda não pode trabalhar e se prepara para uma cirurgia.

Os brasileiros fizeram reclamações junto à Comissão Independente de Queixas contra a Polícia. Procurada pela BBC Brasil, a polícia de Londres disse que ainda não tinha comentários a fazer sobre o caso.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.