China

Crianças chinesas aprendem autodefesa em meio a onda de ataques

Player

Para executar este conteúdo em Java você precisa estar sintonizado e ter a última versão do Flash player instalada em seu computador.

Executar com Real Media Player OU Windows Media Player

Crianças chinesas estão aprendendo autodefesa em meio a uma onda de ataques no país.

Quinze crianças foram mortas e dezenas ficaram feridas nos últimos meses por homens armados de machados ou facas.

As escolas reforçaram a segurança, com policiais e seguranças vigiando os portões. Mas, para um crescente número de pais, isso não é suficiente.

A China busca explicações para os ataques. O presidente Hu Jintao disse que o país precisa curar as tensões sociais. Mas isso é um projeto de longo prazo. Até lá, alguns dos cidadãos mais jovens estão aprendendo como se proteger sozinhos.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.