BBC World Service LogoHOMEPAGE | NEWS | SPORT | WORLD SERVICE
Portuguese Pesquisa na BBC Brasil
 
Primeira Página
Saúde &
Tecnologia
Economia
Cultura
Especial
Fórum
Aprenda inglês
ÁUDIO
Dois minutos pelo mundo
Notícias
Mundo Hoje
De Olho
no Mundo
Programação
Como Sintonizar
SERVIÇOS
Parceiros
Sobre a BBC
Expediente
Página simplificada
Fale com a gente
Empregos
E-manchetes
LÍNGUAS
Espanhol
Português para a África
Árabe
Chinêês
Persa
Hindi
Urdu
BBC News
BBC Sport
BBC Weather
 Você está em: Notícias
23 de janeiro, 2002 - Publicado às 10h10 GMT
A moda da guerra



Vamos examinar bem o líder interino do Afeganistão, sr. Hamid Karzai. Nada sei a respeito de seu mandato - se mandato for - tampão. No entanto, eu já notara que sua elegância era páreo duro para a de Kofi Annan, das Nações Unidas.

Hamid Karzai, no entanto, em seu trajar, é revolucionário. Trata-se de um desbravador de fronteiras. Sua elegância é heterodoxa. Hamid Karzai é dos que lideram e não dos que seguem a moda.

Até há pouco (até o 11 de setembro do ano passado, para ser preciso), tivemos a moda "terrorista chique", conforme foi batizada, com quase todos os estilistas de acordo: o "guerrilla look" era o quente, a última palavra. Isso o que me disseram.

A moda, no entanto, sabemos, oscila entre extremos. O Talebã, como moda, já era. O novo Afeganistão é o que começa a provocar o interesse daqueles que lidam com grifes, desfiles, passarelas, essas coisas todas. Quem inspira a nova moda? Hamid Karzai, é claro.

Tom Ford, da Gucci, já decretou: Hamid Karzai, aos 44 anos de idade, é o homem mais chique do planeta. Cheio de presença e dignidade, disse Ford, segundo as folhas. Seus terninhos italianos reforçam sua imagem no Ocidente, pois desmentem a crença de que os afegãos vivem cobertos de trapos em cavernas.

Não, senhor. Absolutamente. Foi o que li em outros jornais. Jornais que insistem em me informar que Ford sabe do que está falando. Os mantos que cobrem os impecáveis terninhos italianos de Karzai, somados aos seus gorros de astracã, dão-lhe, segundo o mesmo Tom Ford, um "aspecto de orgulhosa elegância".

Nesta semana, em Milão, a coleção outono/inverno 2002 já começa a refletir as novas tendências da moda, conforme este molde exemplar que é Hamid Karzai.

Distinção e maturidade são os novos temas. Não estão mais fazendo roupinha para mauricinhos e patricinhas, asseguram-me. Os grandes estilistas agora dirigem seus produtos para a sobriedade exigida pelas elites de estadistas e diplomatas. Foi o que li, foi o que depreendi.

Hamid Karzai pode entender como ninguém da coordenação de cores e feitio. Mas, nesta importante semana para a moda, a foto que mais deu na mídia mundial foi aquela com os prisioneiros do Talibã e da Al-Quaeda, em vistosos macacões vermelhos, sóbrias máscaras cirúrgicas, mais os apetrechos de algemas, óculos ultra-escuros e tapa-orelhas. Agora, se essa moda vai pegar, longe daquela pontinha da ilha de Cuba, isso eu não sei, não.

Clique aqui para ouvir esta coluna do Ivan Lessa
 
   E-MANCHETE
Assine o serviço da BBC Brasil para receber as principais notícias por e-mail.
   ORIENTE MÉDIO
Leia as últimas notícias e análises sobre o processo de paz entre Israel e os palestinos.









Notícias relacionadas:
21 de janeiro, 2002
  Amizades britânicas
18 de janeiro, 2002
  Raio X de certas convenções
16 de janeiro, 2002
  Gatos e trens
14 de janeiro, 2002
  Comes, bebes e fumo
17 de dezembro, 2001
  Senhor dos Q.Is.
BBC World Service Logo ^^Volta ao início da página
Primeira Página | Saúde & Tecnologia | Economia | Cultura | Especial
Fórum | Aprenda inglês
---------------------------------------------------------------------------------------------------
Programação | Como Sintonizar
Parceiros | Sobre a BBC