Fãs e artistas se reúnem para última homenagem a Michael Jackson

Fãs e imprensa reunidos em frente ao Staples Center, em Los Angeles (AP)
Image caption Mais de 1,6 milhão de fãs se candidataram para ir ao evento

Milhares de fãs participam, nesta terça-feira, da última homenagem ao cantor Michael Jackson – morto no último dia 25 de junho – que acontece no ginásio esportivo Staples Center, em Los Angeles, nos Estados Unidos.

O evento vai contar com shows de diversos artistas, entre eles Stevie Wonder, Mariah Carey e Lionel Richie.

As ruas ao redor do ginásio foram bloqueadas e barreiras erguidas na parte de fora do local.

Mais de 1,6 milhão de fãs do astro se candidataram para participar do evento no Staples Center, mas apenas 8,7 mil foram sorteados para ganhar um par de convites para a homenagem ao cantor.

Pessoas usando as pulseiras douradas que dão acesso ao evento começaram a formar filas em frente ao Staples Center já na noite de segunda-feira.

Tentando evitar maiores tumultos, o Departamento de Polícia de Los Angeles pediu que aqueles que não conseguiram ingressos não fossem ao local, já que não será permitido o acesso às proximidades do ginásio.

Ausências

Além disso, entre as pessoas que não comparecerão à homenagem está a ex-mulher de Jackson e mãe de dois de seus filhos, Debbie Rowe.

Segundo a advogada de Rowe, Marta Almli, “os ataques da mídia deixaram claro que a presença dela seria uma distração desnecessária em um evento em que todas as atenções devem estar focadas no legado de Jackson”.

“Debbie vai celebrar a memória de Jackson de maneira privada”, afirmou a advogada em um comunicado.

A atriz Elizabeth Taylor, amiga de longa data de Jackson, também decidiu não participar das homenagens.

“Eu não posso fazer parte do tumulto do público”, escreveu ela em sua conta no site de relacionamentos Twitter. “Eu não poderia garantir que seria coerente nas palavras de diria”.

Milhões de pessoas devem assistir à homenagem ao cantor, que será transmitida por canais de televisão em todo o mundo.

Cerca de 50 cinemas nos Estados Unidos também devem apresentar a homenagem, assim como salas na Grã-Bretanha, Austrália e Hong Kong.

Cerimônia privada

O evento acontece após uma cerimônia privada em que amigos e familiares do cantor o homenagearam no cemitério Forest Lawn, em Los Angeles.

Em entrevista à BBC, o reverendo Jesse Jackson afirmou que a cerimônia seria realizada de acordo com os preceitos religiosos das Testemunhas de Jeová.

Ainda não se sabe onde o corpo de Jackson será enterrado. Informações iniciais davam conta de que ele poderia ser enterrado em sua antiga residência, conhecida como rancho Neverland, mas isto é improvável, devido às leis do Estado da Califórnia.

Outras informações dão conta de que Jackson pode ser enterrado no cemitério Forest Lawn.

Notícias relacionadas