Novo atentado contra polícia mata ao menos 12 no Paquistão

Polícia cerca prédio da FIA em Lahore
Image caption Atentado em mercado matou dezenas em Lahore na quinta

Pelo menos 12 pessoas morreram nesta sexta-feira em um atentado a bomba na cidade de Peshawar, no noroeste do Paquistão, segundo informações da polícia.

A explosão aconteceu em um escritório de investigações da polícia na região de Swati Pathak, que fica próxima a um posto militar paquistanês. O atentado teria sido causado por um carro-bomba.

Uma testemunha disse que uma mesquita foi parcialmente destruída pela explosão.

A segurança foi reforçada no Paquistão depois de uma série de atentados em Lahore e no noroeste do país na quinta-feira. Cerca de 40 pessoas morreram naqueles atentados.

Peshawar também foi alvo de outros dois atentados recentes. Nesta semana, uma bomba matou uma criança. Na semana passada, uma explosão matou 49 pessoas no Khyber Bazaar, um dos grandes mercados da cidade.

Peshawar é capital da província da Fronteira Noroeste e está na rota de uma estrada que leva à fronteira com o Afeganistão. A região é vista como um "porto seguro" para militantes islâmicos.

A recente onda de atentados coincide com os preparativos do Exército paquistanês para um ataque aos talebãs na região do Waziristão do Sul.

Notícias relacionadas