Autoridades dizem ter achado bomba perto de trem descarrilado na Rússia

Equipes de resgate no local do acidente
Image caption Equipes de resgate dizem que número de mortos pode aumentar

O diretor do serviço de inteligência doméstico da Rússia, Alexander Bortnikov, anunciou que o descarrilamento de um trem com quase 700 pessoas a bordo, na noite de sexta-feira, foi provocado por uma bomba.

Bortnikov disse que foi encontrado artefato de fabricação caseira com o equivalente a cerca de 7 kg de explosivos.

Pelo menos 26 pessoas morreram e quase cem ficaram feridas no incidente, que ocorreu em uma área rural quando o trem viajava de Moscou a São Petersburgo, uma das rotas mais movimentadas do país.

Segundo o correspondente da BBC em Moscou, Richard Galpin, outras 18 pessoas continuam desaparecidas.

Explosão e fumaça

As supeitas de bomba surgiram quando uma cratera foi encontrada perto dos trilhos no local onde pelo menos três vagões descarrilaram.

Em uma chamada telefônica ao serviço de emergência retransmitida pela mídia russa, o condutor do trem avisa ter havido uma explosão embaixo do veículo e que estava vendo muita fumaça.

O governo russo ainda não se pronunciou sobre possíveis suspeitos por trás do incidente.

Centenas de pessoas estão trabalhando desde a madrugada deste sábado para ajudar a resgatar as vítimas.

Em 2007, uma bomba na mesma linha de trem, uma das mais movimentadas da Rússia, deixou aproximadamente 30 passageiros feridos.

Notícias relacionadas