Cidade espanhola monta presépio feito com 1,7 tonelada de chocolate

Presépio de chocolate (foto: Secretaria de Turismo de Córdoba e associação Galleros Artesanos)
Image caption Obra tem 60 metros quadrados e fica exposta até 6 de janeiro

A cidade de Córdoba, no sul da Espanha, montou o que o governo local chamou de "o maior presépio de chocolate do mundo".

A decoração natalina foi erguida a partir de 1,7 tonelada de chocolate amargo, com leite e branco.

São 6.455 peças feitas a mão para a celebração de Natal, e que durarão até o Dia de Reis (6 de janeiro), quando o presépio será dividido em pequenas partes para ser comido pelo público.

A obra de 60 metros quadrados demorou quatro meses para ficar pronta. Ela foi criada por sete doceiros especialistas em chocolate que trabalharam oito horas diárias para reproduzir detalhes como 3,5 mil tijolos de construção da Nazaré de 2 mil anos atrás.

Na sua abertura ao público, nesta segunda-feira, o secretário de Turismo do Governo de Córdoba, Rafael Perez de la Concha, disse esperar que o presépio atraia mais de 80 mil visitantes em menos de um mês.

A decoração de Natal começou como uma brincadeira em 2002. Um grupo de chefs espanhóis apaixonados pelo chocolate decidiu criar um presépio de 500 quilos de cacau misturados com doces típicos da época.

A ideia agradou a clientes, amigos e gerou tanta repercussão na imprensa que, no ano seguinte, o projeto aumentou até se tornar uma tradição nas festividades oficiais de Córdoba.

A cidade já tem o museu do presépio de chocolate que guarda com conservantes e em frigoríficos especiais algumas partes da decoração de cada temporada.

Segundo o acordo entre o governo e a associação de doceiros artesanais Galleros Artesanos, o fim do presépio deve ser uma degustação para os visitantes, mas as peças de destaque do ano vão para o museu que só abre entre o Natal e o Dia de Reis.

Na versão de 2009 da decoração, os doceiros criaram 415 personagens bíblicos no cenário épico.

Mas a cidade de chocolate está aumentando. Ao redor da Galileia e Jerusalém foram colocados também representações de monumentos da cidade como a famosa Mesquita Catedral de Córdoba, uma das maiores mesquitas do mundo convertida em catedral católica em 1236, declarada pela ONU patrimônio cultural da humanidade.

O presépio está aberto ao público para visitação gratuita, mas é proibido tocar o chocolate. No dia 6 de janeiro a decoração será servida em pedaços ou derretida para ser bebida.

Image caption Peças do presépio foram confeccionadas artesanalmente

Notícias relacionadas