Mulher desiste de processo de paternidade contra líder do Paraguai

O presidente do Paraguai, Fernando Lugo (foto de arquivo)
Image caption Lugo concordou em fazer teste de DNA em processo movido por outra mulher

A paraguaia Benigna Leguizamón anunciou nesta quinta-feira que desistiu do processo de paternidade que movia contra o presidente do país, Fernando Lugo.

“Tenho problemas de saúde e estou desistindo desta ação judicial porque este assunto está demorando demais”, disse a mulher à rádio Cardinal.

Ela afirmou ainda que sua intenção é, futuramente, voltar a entrar com processo contra o presidente paraguaio. “Vamos esperar que eu melhore e retomarei este assunto para que ele pague pensão ao menino (Lucas Fernando, de 7 anos)”, disse.

A decisão de Benigna foi divulgada por diversas emissoras de rádio do país e ocorre apenas um dia após o anúncio de que Lugo aceitou se submeter a um exame de DNA em um processo de paternidade movido por outra mulher.

A imprensa paraguaia afirma que Benigna teria feito “acordo com uma pessoa” num cartório. Ela, no entanto, negou ter recebido dinheiro para um acordo com o presidente paraguaio.

O advogado de Benigna, Seong Je Park, disse que ela vive numa situação “de tanta pobreza” que a tinha recomendado chegar a algum acordo com o presidente. “Mas desconheço se isso ocorreu. E se assim foi a felicito”, afirmou.

Processos

Benigna é uma das três mulheres que acusam o presidente e ex-bispo católico de não reconhecer a paternidade de seus filhos. Ela afirma que conheceu Lugo em 2001, aos 18 anos, quando ele era bispo da localidade de São Pedro.

Na quarta-feira, o advogado de Lugo, Marcos Farina, disse que o presidente aceitou se submeter a um teste de DNA no processo de paternidade movido contra ele por Damiana Morán, que o acusa de ser pai de seu filho Juan Pablo, de dois anos e meio.

Em abril, Lugo reconheceu a paternidade de outra criança, um menino de dois anos, filho da paraguaia Viviana Carrillo.

Além dessas três acusações de paternidade, recentemente uma sobrinha de Lugo disse que ele seria pai de uma jovem de 22 anos de idade.

Notícias relacionadas