Terremoto no Haiti

Veja flagrante de terremoto em orfanato no Haiti

Para executar este conteúdo em Java você precisa estar sintonizado e ter a última versão do Flash player instalada em seu computador.

Executar com Real Media Player OU Windows Media Player


O americano Rick Hursh, de Ohio, estava visitando um orfanato que ajudou a construir na capital do Haiti, Porto Príncipe, quando um terremoto sacudiu o país caribenho, no dia 12 de janeiro.

Hursh filmou o filho, Matt, que brincava com crianças.

Ambos ajudaram as crianças a abandonar o prédio, que não desabou.

Todas as 20 meninas órfãs sobreviveram ao terremoto, que pode ter matado até 200 mil pessoas no país.

Os Estados Unidos vão permitir temporariamente a entrada de crianças órfãs do Haiti em seu território para receber assistência, disse a secretária de Segurança Interna, Janet Napolitano.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.