Para economista do FMI, obsessão com inflação prejudicou combate à crise

Image caption O governo americano colocou trilhões de dólares na economia

O economista-chefe do Fundo Monetário Internacional (FMI), Olivier Blanchard, sugeriu que países desenvolvidos limitaram suas opções para lidar com a crise econômica global ao se preocuparem muito em manter metas inflacionárias baixas.

A declaração foi feita após a publicação do relatório Rethink Macroeconomic Policy (Repensando Políticas Macroeconômicas, em português), assinado por ele e associados do FMI e divulgado nesta sexta-feira.

O documento sugere que metas inflacionárias maiores aumentariam as possibilidades de combate a eventuais crises.

A meta inflacionária do Banco Central europeu é de 2% e a do Brasil é de 4,5%.

"Os custos da inflação seriam mais altos a 4% do que a 2%?" pergunta Blanchard no documento, afirmando que o controle inflacionário foi uma conquista histórica indiscutível, especialmente em mercados emergentes.

"Portanto, responder a esta pergunta significa revisar cuidadosamente as listas de custos e possíveis benefícios da inflação", diz ele.

O economista afirma que vale a pena considerar se estes custos seriam menores do que uma maior capacidade de manobra em épocas de crise.

"Taxas de juros são uma arma fraca para lidar com excesso de alavancagem ( a quantidade de dinheiro que os bancos podem emprestar para investimentos) e riscos excessivos. Necessitamos uma mistura de ferramentas monetárias e regulatórias", diz o documento.

Crise

A crise financeira mundial levou várias economias de países desenvolvidos a enfrentarem as piores recessões em décadas.

Nos Estados Unidos, o governo lançou trilhões de dólares na economia para tentar recuperá-la.

Mas, entre economistas, há temores a respeito de como o governo vai diminuir a quantidade de dinheiro circulando para evitar o aumento da inflação.

"Na medida em que a crise retrocede, é hora de repensarmos o que sabemos sobre conduzir políticas macroeconômicas", afirmou Blanchard.

Notícias relacionadas