30% dos usuários acham internet bom local para romance, diz pesquisa

Image caption Sul-coreanos e americanos são menos se empolgam com romances virtuais

Uma pesquisa encomendada pelo Serviço Mundial da BBC e divulgada neste sábado indica que 30% dos usuários de internet consideram a rede mundial de computadores um bom lugar para encontrar namorados ou namoradas.

O estudo realizado pela GlobeScan com quase 11 mil internautas de 19 países (o Brasil não foi incluído) indica que a Índia e o Paquistão são os países em que a sedução virtual é mais popular.

Para 59% dos usuários indianos entrevistados e 60% dos paquistaneses, a internet é um bom local para encontrar namorados.

Gana (47%) e Filipinas (42%) também parecem ter internautas empolgados com romances online.

Por outro lado, americanos (21%), sul-coreanos (16%), britânicos (28%) e franceses (27%) não apresentaram grande aprovação da ideia.

A pesquisa também indica que, entre os internautas, homens aprovam o namoro virtual mais do que mulheres, já que 33% dos ouvidos na pesquisa veem a internet como um bom lugar para se encontrar parceiras, enquanto apenas 27% da mulheres entrevistadas concordam com isso.

A idade também parece fazer diferença, já que a faixa etária entre 18 e 24 anos apresenta maior entusiasmo (36%) pelos encontros virtuais.

Mesmo assim, até entre aqueles acima de 65 anos, quase um quarto (23%) considera a internet um bom local para conhecer interesses amorosos.

O nível de instrução também parece fazer diferença. Entre universitários, apenas 28% aprovam a ideia, enquanto, entre estudantes secundários, 36%.

A pesquisa foi encomendada pela BBC como parte de uma temporada de notícias dedicada à internet, Superpower, que deve começar no Reino Unido em 8 de março.