Filme tailandês vence a Palma de Ouro em Cannes

Apichatpong Weerasethakul, vencedor da Palma de Ouro
Image caption Apichatpong Weerasethakul, vencedor da Palma de Ouro

O Festival de Cinema de Cannes deu seu prêmio máximo, a Palma de Ouro, para o filme tailandês Lung Boonmee raluek chaat (Tio Boonmee que se lembra de suas vidas passadas, em tradução livre).

O prêmio foi entregue na noite deste domingo pelo júri, presidido pelo cineasta americano Tim Burton, que escolheu o longa da Tailândia entre 19 concorrentes, entre eles nomes de peso e ex-vencedores de Cannes, como o diretor britânico Mike Leigh.

A fábula dirigida por Apichatpong Weerasethakul conta a história de um homem prestes a morrer que recebe a visita de sua mulher, já morta, e de seu filho desaparecido, que se transformou em macaco.

A atriz francesa Juliette Binoche venceu o prêmio de melhor atriz por sua interpretação de uma dona de galeria de artes na Toscana, no filme Copie Conforme, dirigido pelo cineasta iraniano Abbas Kiarostami.

O ator espanhol Javier Bardem dividiu o prêmio de melhor ator com o italiano Elio Germano. Bardem venceu ao interpretar um pai à beira da morte que luta para criar os filhos em um bairro pobre no longa Biutiful, dirigido pelo mexicano Alejandro Gonzáles Iñarritu, conhecido por filmes como Babel e 21 Gramas.

Image caption Javier Bardem e o italiano Elio Germano dividiram o prêmio de melhor ator

Elio Germano dividiu o prêmio com Bardem por sua interpretação no filme La Nostra Vita, na qual ele também interpreta um mestre de obras que luta para criar os filhos depois da morte da mulher.

O prêmio de melhor direção foi para o ator e diretor francês Mathieu Amalric, por seu longa Tournée, que mostra um produtor falido que acompanha a excursão de um grupo de dançarinas burlescas.

Amalric venceu nomes consagrados em Cannes como Ken Loach e o próprio Abbas Kiarostami, que ganhou em 1997, com o longa Gosto de Cereja.

O prêmio de melhor roteiro foi para o diretor sul-coreano Lee Chang-Dong, por seu filme Poetry.

O júri presidido por Tim Burton também contou com a atriz Kate Beckinsale e o ator Benício Del Toro, além do diretor Shekhar Kapur.

Links de internet relacionados

A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos de internet