Irã apresenta seu primeiro avião militar não-tripulado

O presidente iraniano Mahmoud Ahmadinejad revela a aeronave
Image caption Ahmadinejad chamou a aeronave de 'mensageiro da morte'

O Irã apresentou neste domingo o primeiro avião militar não tripulado construído no país.

O presidente iraniano, Mahmoud Ahmadinejad, disse que o Karrar teria alcance de mil kms e poderia carregar duas bombas de 115 kg cada ou uma de 230 kg.

A TV iraniana mostrou então a aeronave durante o voo.

"Este jato é um mensageiro da generosidade e da honra humana, um salvador da humanidade, antes de ser um mensageiro da morte para os inimigos da humanidade", disse ele durante a cerimônia de apresentação.

Ahmadinejad disse que o objetivo do armamento é "manter o inimigo paralisado em suas bases".

O presidente afirmou que o programa militar do país continuará "até que os inimigos da humanidade percam a esperança de atacar a nação iraniana".

Programa bélico

O programa bélico iraniano foi iniciado durante a guerra com o Iraque (1980-88) para compensar o embargo de armas imposto na época pelos Estados Unidos, que apoiava militarmente o governo iraquiano de Saddam Hussein.

Muitos dos anúncios feitos pelo governo iraniano sobre avanços tecnológicos não podem ser confirmados independentemente.

Na sexta-feira o Irã testou um novo míssel, o Qiam-1, com um avançado sistema direcional.

No sábado, o país inaugurou sua primeira usina nuclear, que países ocidentais dizem não representar um risco.

Leia mais: Irã inaugura sua primeira usina nuclear

No centro da polêmica envolvendo o Irã e nações ocidentais está o programa de enriquecimento de urãnio do país, acusado pelo ocidente de ser uma fachada para a produção de armamentos, alegação negada pelo governo iraniano.

Notícias relacionadas