Vala da 2ª Guerra com até 700 corpos é achada na Eslovênia

Foto liberada pelo governo da Eslovênia mostra crânios e ossos na vala comum perto de Prevalje (AP)
Image caption O governo esloveno pode abrir inquérito sobre o achado

Uma vala comum com os restos de até 700 pessoas, datada do final da Segunda Guerra Mundial, foi encontrada na Eslovênia, anunciou nesta terça-feira o governo do país europeu.

A vala de 21 metros de extensão foi descoberta em uma floresta perto da cidade de Prevalje (norte da Eslovênia).

De acordo com a repórter da BBC em Viena Bethany Bell, o governo esloveno informou que os restos de homens e mulheres foram encontrados na vala na semana passada com as mãos amarradas nas costas.

Alguns parecem ter sido baleados, outros podem ter sido golpeados até a morte.

Acredita-se que os corpos encontrados pertenciam às vítimas das atrocidades cometidas logo depois do fim da guerra, possivelmente mortas por grupos antifascistas que queriam se vingar dos eslovenos que colaboraram com os nazistas durante a guerra.

Informações divulgadas na Eslovênia afirmam que alguns dos corpos podem ser de cidadãos do país vizinho, a Áustria.

Se os promotores eslovenos decidirem pelo início de um inquérito, os restos serão exumados.

Nos últimos anos várias outras valas comuns datadas da época da Segunda Guerra Mundial foram descobertas na Eslovênia.

Notícias relacionadas