Orangotango obeso que comia marshmallow faz dieta na Inglaterra

Oshine ( Foto: Monkey World Ape Rescue Centre
Image caption Oshine já começou a nova dieta

Uma fêmea de orangotango que pesa cera de 100 kg e é considerada a morbidamente obesa foi trazida à Inglaterra para fazer uma dieta.

Oshine ficou órfã pouco depois de nascer e foi criada como um animal de estimação por um casal na África do Sul.

Acostumada a uma dieta de hambúrgueres, marshmallows e balas e com um estilo de vida sedentário, Oshine, de 13 anos, pesa hoje o dobro do peso médio para uma fêmea de sua espécie.

Em 2008, seus donos perceberam que não poderiam cuidar dela apropriadamente e pediram ajuda ao santuário de macacos Monkey World, em Dorset, na Inglaterra, que mantém a única creche de orangotangos na Europa.

No final do mês passado ela finalmente fez a viagem de 10,5 horas de Johanesburgo a Londres, de onde seguiu para Dorset, no oeste da Inglaterra.

“Um voo de longa duração para uma espécie em risco e tão delicada como o orangotango é cheia de dificuldades e perigos. Com o problema do peso de Oshine, ficamos particularmente preocupados com os arranjos da viagem e em garantir que o trajeto seria livre de estresse e seguro”, disse Alison Cronin, diretora do Monkey World.

Image caption Money World enviou equipe para trazer orangotango da África do Sul

Uma equipe da organização viajou para Johanesburgo antes da viagem, para conhecer a orangotango e permitir que ela se acostumasse à jaula especialmente fabricada para sua viagem.

Depois de alguns dias se acostumando com a jaula e entrando e saindo dela voluntariamente, a transferência foi feita.

Apesar de já ser adulta, Oshine agora está sendo criada na creche do santuário de macacos, junto a outros quatro orangotangos filhotes e uma mãe adotiva.

A ideia é que ela “aprenda” com os filhotes a agir como um orangotango, já que ela nunca teve contato com outros animais da sua espécie.

Sua dieta também mudou e ela agora se alimenta, basicamente, de frutas e legumes, com frango e ovos duas vezes por semana.

Na creche, ela também tem a chance de se exercitar escalando pelas instalações especialmente construídas, de dois andares.

Funcionários do Monkey World acreditam que Oshine pode chegar a um peso ideal em questão de poucos meses.

A ideia é que, depois de adaptada a um estilo de vida mais natural aos orangotangos, Oshine se acasale com um macho no próprio centro para formar sua própria família.

Notícias relacionadas