América Latina

México queima 134 toneladas de maconha

Player

Para executar este conteúdo em Java você precisa estar sintonizado e ter a última versão do Flash player instalada em seu computador.

Executar com Real Media Player OU Windows Media Player

A Polícia do México começou a queimar 134 toneladas de maconha que haviam sido apreendidos na cidade de Tijuana, noroeste do país, perto da fronteira com os Estados Unidos

O porta-voz da Segurança do governo, Alejandro Poire, disse que essa foi a maior apreensão de maconha pronta para a venda da história do México.

Ele afirmou ainda que o carregamento deve pertencer ao cartel de Sinaloa, um dos quatro principais cartéis mexicanos.

Na última segunda-feira, uma operação policial em Tijuana apreendeu os mais de 15 mil pacotes da droga em três casas.

Durante a apreensão, houve troca de tiros. Um policial e um suspeito foram atingidos e 11 pessoas foram presas, suspeitas de envolvimento com o narcotráfico.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.