Exportações batem recorde, mas saldo comercial é o pior em oito anos

As exportações brasileiras fecharam o ano de 2010 com um volume de US$ 201,9 bilhões, o melhor resultado desde 1989, início da série histórica, segundo dados preliminares divulgados pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio.

As vendas de produtos brasileiros no exterior cresceram 31% em relação a 2009, puxadas principalmente pelas exportações do setor agropecuário, que devem fechar o acumulado de 2010 com um volume superior a US$ 75 bilhões, pelas previsões do governo.

Na outra ponta da balança, as importações também bateram recorde no ano passado, com alta de 41% e resultado de US$ 181,6 bilhões.

Com as importações em ritmo de crescimento superior às exportações, o Brasil voltou a reduzir seu saldo comercial. Em 2010, a diferença ficou positiva em US$ 20,27 bilhões – o pior resultado desde 2002.

A valorização do real frente ao dólar aliada ao desaquecimento da economia nos países ricos são apontadas como as principais razões para a diminuição do saldo, já que o câmbio valorizado torna os produtos importados mais baratos.