Rebeldes e tropas pró-Kadhafi se enfrentam a 50 km de Trípoli

Rebelde armado em cima de um tanque tomado por forças anti-Khadafi Direito de imagem AP
Image caption Rebeldes e forças pró-Khadafi estão travando disputas em diferentes cidades

Forças rebeldes contrárias ao regime de Muamar Khadafi na Líbia repeliram tentativas de tropas do governo do país de retomar o controle da cidade de Zawiya, situada a 50 km da capital, Trípoli.

Depois de violentos combates neste sábado pela manhã, tropas pró-Kadhafi foram forçadas a se retirar do centro da cidade. Mas há relatos de que elas estariam se reforçando se preparando para um novo ataque.

Reconquistar Zawiya é fundamental para que o líder da Líbia possa assegurar seu controle sobre Trípoli.

Os ativistas anti-Khadafi também tomaram o controle do porto de Ras Lanuf, ao leste de Trípoli.

Em Zawyia, um integrante das forças rebeldes que se identificou apenas como Mohammed disse à BBC que tropas do governo com muitos armamentos teriam entrado na cidade pelas regiões leste e oeste.

As forças leais a Khadafi, afirmou, se posicionaram em arranha-céus da cidade e dispararam contra manifestantes.

De acordo com o relato do ativista anti-Khadafi, alguns tanques teriam, inclusive, chegado à praça principal da cidade, mas foram capturados e queimados.

''Houve algumas baixas entre as tropas de Khadafi e entre as nossas tropas, mas Zawiya nunca foi capturada pelas tropas de Khadafi. Isso é confirmado'', afirmou.

Mulheres e crianças

Um outro morador da cidade, que se identificou como Hussein, confirmou que as tropas leais ao governo foram rechaçadas, mas acrescentou que houve uma ''grande luta'' na qual muitos civis foram mortos, inclusive mulheres e crianças.

''Há pessoas morrendo em todas as partes. É um desastre o que está acontecendo em Zawiya. Nós realmente precisamos de ajuda'', afirmou Hussein.

Tanto Mohammed como Hussein disseram temer por mais um novo ataque do governo. E houve relatos confirmando que as tropas pró-Khadafi estavam a poucos quilômetros do centro da cidade e estariam formando um cordão ao redor de Zawiya, provavelmente para atacar a cidade novamente.

Em Ras Lanuf, uma cidade portuária ao leste de Sirtre - cidade natal de Khadafi, que permanece fiel ao líder da Líbia - também foram travados fortes combates, com relatos de fotes explosões e pesada troca de tiros.

As tropas pró-Khadafi que estavam na cidade teriam se deslocado para quarenta quilômetros a oeste.

Forças do governo fugiram para Ras Lanuf há dois dias, depois de uma batalha travada perto dali, ao leste, na cidade de Brega.

Notícias relacionadas