William e Kate terão início 'modesto' e discreto na vida de casados

Ponte na entrada do condado de Anglesey Direito de imagem PA
Image caption Casal vai morar em casa de campo alugada no norte do País de Gales

Em vez de ficar em Londres e morar em um palácio, o príncipe William e a princesa Kate optaram por um início "modesto" em sua vida de casados, sem muita pompa e mais longe dos olhos do público.

William e Kate decidiram morar em uma casa de campo alugada na ilha de Anglesey, no norte do País de Gales. O príncipe já reside no local, onde serve como piloto de busca e resgate da Força Aérea Real britânica (RAF, sigla em inglês).

Os moradores de Anglesey se mostram contentes com a decisão do casal em fixar residência no local. Já as autoridades da ilha veem o casamento como uma oportunidade de aquecer a economia da região e de receber mais turistas.

"Nesta época econômica difícil, a nossa conexão com o casal tem sido um verdadeiro presente", disse à agência Press Association o presidente da Sociedade de Turismo do Norte de Gales, Neil Rowlands.

Espera-se que William cumpra até o fim seu serviço junto à RAF, que tem término previsto para 2013. Já Kate terá de conquistar seu papel como membro sênior da realeza e encontrar causas de caridade para representar.

A intenção de William e Kate é passar os dois primeiros anos do casamento o mais longe possível do público. Uma autoridade palaciana afirmou ao jornal The Times que, com isso, o casal pretende aproveitar melhor a vida a dois e consolidar sua união.

Direito de imagem AP
Image caption Casal fará sua primeira viagem oficial em julho, indo ao Canadá

Neste caso, o príncipe seguiria o exemplo de sua avó, a rainha Elizabeth 2ª, que optou por viver na ilha de Malta nos anos seguintes ao seu casamento com o príncipe Philip, em 1947.

No entanto, William e Kate já marcaram a sua primeira viagem oficial como marido e mulher. Eles visitarão o Canadá entre 30 de junho e 8 de julho, onde deverão participar das festividades do dia nacional canadense, em 1º de julho.

Além disso, uma série de eventos e festividades estão previstos para os próximos meses. Entre eles, estão o aniversário de 90 anos do príncipe Philip, em 10 de junho, e o jubileu de diamante da rainha - ela completa 60 anos de reinado em 6 de fevereiro de 2012.

Especialistas em monarquia britânica consideram provável que William e Kate programem o anúncio de seu primeiro filho para coincidir com o jubileu de diamante da rainha Elizabeth 2ª.

Lua-de-mel

Um dos segredos mais bem-guardados do casamento real, até agora, é o local onde William e Kate passarão a lua-de-mel. No último fim de semana, jornais e tabloides britânicos fizeram especulações a respeito do destino do casal.

O Sunday Mirror publicou uma foto de Kate de biquíni ao lado de uma imagem da Grande Barreira de Corais, na Austrália.

Já o News of the World apostou nas palmeiras do resort de Aqaba, na Jordânia, às margens do Mar Vermelho. Segundo o jornal, William e Kate estariam, caso optassem por este refúgio, a salvo dos violentos protestos pró-democracia no Oriente Médio.

Direito de imagem PA
Image caption Vestido desenhado por Sarah Burton tem cauda de 2,70 metros

Casamento

William e Kate trocaram votos nesta sexta-feira na abadia de Westminster, em Londres, tornando-se marido e mulher.

Cerca de 1,9 mil convidados compareceram à cerimônia. Estima-se que as imagens da união foram vistas por 2 bilhões de pessoas em todo o mundo.

Antes do casamento, William recebeu da rainha Elizabeth 2ª o título de Duque de Cambridge, o que faz de Kate Duquesa de Cambridge.

O príncipe também se tornou Conde de Strathearn e Barão Carrickfergus, transformando sua mulher em Condessa de Strathearn e Baronesa Carrickfergus.

Notícias relacionadas