Milionário é acusado de abusar de filhos em iates e chefiar rede de pedofilia

Barco do milionário alemão acusado de pedofilia Direito de imagem na
Image caption Acusado oferecia embarcações para encontros com menores

Um alemão de 32 anos foi preso e acusado de abusar dos próprios filhos em iates de luxo e de distribuir vídeos desses abusos através de uma rede de pornografia infantil pela internet.

A polícia de Mallorca descreveu o acusado, identificado apenas pelas iniciais H.J., como "milionário", e diz que ele usava na rede o apelido de “cool daddy”, algo como “papai bacana”. Ele foi detido em abril, segundo a polícia, com diversas gravações nas quais aparecia mantendo relações sexuais com menores de 3 a 9 anos.

A polícia disse que as gravações que circulavam pela internet eram feitas em camarotes de iates de luxo que navegavam pelo litoral Mediterrâneo.

De acordo com a Brigada de Investigação Tecnológica da Polícia Nacional, o milionário não só abusava sexualmente de seus dois filhos biológicos, como também de outros dois menores.

Nos vídeos, segundo a polícia, as quatro crianças chamam o acusado de papai. Os arquivos com estas gravações foram colocados na internet pelo playboy alemão, que oferecia intercâmbio de imagens a outros pedófilos.

Denúncia

No grupo de pedofilia que ele liderava na internet, o suposto agressor avisava que tinha veleiros e iates disponíveis para organizar encontros entre adultos e menores associados à organização.

A pista para achar o playboy chegou através da queixa de uma escola de Palma de Mallorca.

O colégio informou à secretaria de educação local que duas crianças estavam com excesso de faltas escolares.

Como as crianças eram de nacionalidade alemã, a família foi procurada pelo consulado alemão na ilha mediterrânea, que localizou a residência e o material informático que serviu como denúncia policial.

A atual esposa do acusado, que diz que não sabia das agressões, reconheceu nos vídeos seus filhos com H.J. (de 3 e 9 anos), sua filha (de 6 anos) de um casamento anterior e uma quarta criança, de 7 anos, filho de uma ex-namorada do playboy.

Notícias relacionadas