Americano filma a si mesmo por 35 anos e faz sucesso na web

Foto: YouTube/Reprodução Direito de imagem YouTube
Image caption Edição das imagens de Klemke já recebeu mais de 700 mil visitas

Um americano que fez registros anuais em vídeo de si mesmo nos últimos 35 anos virou um sucesso no site YouTube, onde uma edição de suas imagens já recebeu mais de 700 mil visitantes desde que foi publicado.

O caricaturista Sam Klemke, 55 anos, que mora na cidade de Eugene (Estado do Oregon), começou a filmar a si mesmo em 1977, quando tinha 20 anos. Seu vídeo mais recente foi feito neste ano.

A edição com trechos de seus vídeos anuais, publicada no YouTube em abril, tem 6min31 e é intitulada 35 Years Backwards Thru Time with Sam Klemke ("35 anos de volta no tempo com Sam Klemke").

A edição começa em 2011, com Klemke falando com a câmera em frente a um espelho, e retrocede no tempo até chegar ao seu primeiro registro em super-8, em 1977.

Klemke afirma que a inspiração para fazer os vídeos ocorreu com a morte de Elvis Presley, em 1977, aos 42 anos. "Aquilo simplesmente me afetou, eu vi que a vida é tão efêmera", disse o americano ao site de notícias do Oregon KATU.

Direito de imagem YouTube
Image caption Vídeos foram feitos em diversos cenários diferentes dos Estados Unidos

Seus primeiros filmes foram feitos com uma câmera de super-8. Como o aparelho não registrava o som, ele teve que captar o áudio em um gravador separado.

Com o passar dos anos, o caricaturista trocou as filmadoras de super-8 pelas câmeras de vídeo e, mais recentemente, pelos aparelhos de vídeo digital.

Os vídeos foram feitos em diversos cenários diferentes, como Honolulu (no Havaí), Las Vegas (Estado de Nevada), Aspen (Colorado), Houston (Texas) e Nova York, entre outros.

Klemke faz seus vídeos no fim do ano, e em cada um deles ele faz uma pequena avaliação de como foi o ano que se passou.

O clima dos vídeos é bem-humorado, com Klemke fazendo diversas piadas, e até paródias de filmes. Além disso, são visíveis as mudanças físicas do americano em sua "viagem no tempo", desde os cortes de cabelo até as variações de peso.

Direito de imagem YouTube
Image caption Vídeos deixam claras as mudanças físicas de Klemke ao longo dos anos

Tranquilidade

O caricaturista diz quem, por enquanto, não pretende ganhar dinheiro com o seu "anuário" em vídeo. Ele nega que o espírito do seu projeto seja triste, por mostrar a passagem do tempo - ao contrário, ele vê os vídeos como um exemplo de tranquilidade.

"Espero que os jovens possam simplesmente relaxar e desinflar a sua importância própria", disse ele ao site KATU. "Relaxe, fiquei leve, se divirta, vá brincar. A vida é efêmera".

Notícias relacionadas

Links de internet relacionados

A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos de internet