Atentado contra prédio da ONU deixa mortos e feridos na Nigéria

AP Direito de imagem BBC World Service
Image caption Ambulância retira feridos de prédio atacado

Um atentado a bomba contra o prédio da ONU na capital da Nigéria, Abuja, deixou um número ainda não determinado de mortos e feridos nesta sexta-feira.

Serviços de emergência retiravam corpos do prédio, enquanto um grande número de feridos era levado ao hospital.

Nenhum grupo assumiu até agora a autoria do ataque, mas o governo atribuiu o atentado a "terroristas islâmicos".

Extremistas islâmicos perpetraram uma série de outros atentados na cidade recentemente.

Em junho, o grupo islamista Boko Haram detonou um carro-bomba no quartel-general da polícia em Abuja. O grupo quer o estabelecimento da sharia (lei islâmica) na Nigéria.

'Corpos espalhados'

O ataque desta sexta-feira ocorreu por volta das 11h (horário local) no bairro que abriga prédios de organizações internacionais e representações diplomáticas, no centro da cidade, perto da embaixada dos EUA.

Houve uma forte explosão e uma coluna de fumaça saía do prédio.

"Vi corpos espalhados", disse Michael Ofilaje, funcionário do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef). "Muitas pessoas morreram".

Ofilaje disse que a explosão "ocorreu no porão e sacudiu o prédio".