Homens são condenados à prisão após crime motivado por 'viagra do Himalaia'

Atualizado em  15 de novembro, 2011 - 20:57 (Brasília) 22:57 GMT
Cogumelo-da-lagarta. | Foto: Joanna Jolly / BBC

O cogumelo cresce dentro do casulo mumificado de uma lagarta nativa do Nepal

Um tribunal no Nepal condenou seis homens pelo assassinato de sete rivais durante uma briga por causa do raro cogumelo-da-lagarta, valorizado por suas propriedades afrodisíacas.

Os homens, do distrito de Manang, no norte do país, foram sentenciados à prisão perpétua.

Outros treze moradores do vilarejo foram condenados a dois anos de prisão pela participação nos assassinatos e 21 réus do mesmo caso foram absolvidos.

A busca pelo fungo híbrido é uma das principais fontes de renda para comunidades pobres do Himalaia. Um quilo do produto pode ser vendido por até US$ 10 mil (R$ 17 mil) na China.

O caso do "Viagra himalaio", como ficou conhecido, atraiu a atenção da imprensa no Nepal.

O cogumelo-da-lagarta é considerado medicinal nas culturas orientais e é famoso na região do Himalaia.

Chamado de "yarsagumba", o cogumelo tem propriedades afrodisíacas e acredita-se que ele também pode curar doenças e aumentar a longevidade. Ele também está sendo investigado por empresas farmacêuticas americanas como uma possível cura para o câncer.

Disputas e crime

O tribunal ouviu sobre como, em junho de 2009, moradores de Nar formaram um grupo e mataram sete estrangeiros do distrito de Gorkha, mais abaixo nas montanhas, que haviam ido até o local para colher o yarsagumba.

Yarsagumba é o termo usado no Nepal para descrever o corpo mumificado da lagarta da mariposa Hepialus armoricanos, que fica neste estado após ser invadido pelos esporos do cogumelo Cordyceps sinensis.

Vilarejo de Nar. | Foto: Joanna Jolly / BBC

A colheita do cogumelo-da-lagarta trouxe oportunidades para os habitantes do vilarejo de Nar

Corpos de dois fazendeiros de Gorkha foram encontrados em um desfiladeiro íngreme.

O chefe de polícia local disse à BBC que acredita que os moradores de Nar desenterraram os outros cinco homens quando perceberam que estavam sendo investigados, cortaram-nos em pedaços e os atiraram em um rio local.

O julgamento foi concluído em 2010, mas o veredito foi adiado por meses, segundo a correspondente da BBC Joanna Jolly.

As sentenças foram anunciadas na última segunda-feira, mas a área de Manang é tão remota que a notícia só chegou até o vilarejo nesta terça-feira. Até então, os acusados estavam sendo mantidos em uma prisão improvisada.

Jolly diz que, apesar de ter trazido riqueza para a região, o cogumelo-da-lagarta também trouxe disputas e crime.

Os moradores começaram a colher o cogumelo há seis anos. Antes disso, eles tinham poucas oportunidades de ganhar dinheiro.

No entanto, um ditado budista local que diz que o yarsagumba é uma maldição e que colhê-lo tem maior probabilidade de trazer azar do que sorte.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.