Fotógrafo captura gotas de orvalho cobrindo mosca

Atualizado em  25 de junho, 2012 - 14:00 (Brasília) 17:00 GMT

'Banho de orvalho'

  • Foto: Nicolas Reusens/Caters
    Um fotógrafo amador conseguiu capturar o momento em que uma mosca está totalmente coberta por gotas minúsculas de orvalho, logo pela manhã. Foto: Caters
  • Foto: Nicolas Reusens/Caters
    Nicolas Reusens conta que precisou de oito minutos para capturar a imagem e a mosca, que parecia congelada, voltou a agir normalmente depois que o orvalho evaporou. Foto: Caters
  • Foto: Nicolas Reusens/Caters
    O fotógrafo amador de 36 anos usa lentes macro e faz centenas de imagens de insetos até conseguir a mais perfeita. Foto: Caters
  • Foto: Nicolas Reusens/Caters
    Reusens captura as imagens no jardim de sua casa em Madri, na Espanha. Foto: Caters
  • Foto: Nicolas Reusens/Caters
    Com as lentes macro, Reusens captura formigas e outros insetos em detalhe e cores vivas. Foto: Caters
  • Foto: Nicolas Reusens/Caters
    O fotógrafo amador conta que adoraria se 'transformar em um fotógrafo de vida selvagem em tempo integral'. Foto: Caters
  • Foto: Nicolas Reusens/Caters
    Reusens contou que, caso tivesse a chance de se transformar em um fotógrafo profissional, não se importaria em fazer fotos 'além do meu jardim'. Foto: Caters
  • Foto: Nicolas Reusens/Caters
    Reusens consegue, com muita paciência, capturar criaturas que, às vezes, tem o tamanho de uma unha. Foto: Caters
  • Foto: Nicolas Reusens/Caters
    Em alguns casos, as lentes de Reusens capturam momentos como este, em que uma formiga devora outro inseto. Foto: Caters
  • Foto: Nicolas Reusens/Caters
    Em outros casos, é quase possível ver reflexos nos olhos dos insetos nas imagens capturadas pelo fotógrafo amador. Foto: Caters

'Banho de orvalho'

O fotógrafo amador Nicolas Reusens conseguiu capturar o momento em que uma mosca fica totalmente coberta por gotículas de orvalho.

Reusens fez a imagem no jardim de sua casa, em Madri, na Espanha. O fotógrafo de 36 anos usou lentes macro para capturar imagens ampliadas do inseto.

"Precisei de cerca de oito minutos para conseguir esta foto, as condições estavam perfeitas e eu tinha que capturar (a imagem) bem ali e naquele momento", afirmou o fotógrafo.

Reusens conta que a mosca parecia quase congelada sob o orvalho, "mas, depois que o orvalho evaporou, ela parecia bem e saiu zunindo sem problemas".

O fotógrafo também captura outros insetos com a ajuda de suas lentes macro. As imagens mostram formigas e outros insetos em detalhe e cores vivas.

Em alguns casos é quase possível ver reflexos nos olhos dos insetos.

Reusens fez centenas de imagens de criaturas minúsculas, algumas do tamanho de uma unha, até conseguir as melhores.

O fotógrafo amador conta que "adoraria me transformar em um fotógrafo de vida selvagem em tempo integral e não me importaria (em fazer fotos) além do meu jardim".



BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.