Liga Árabe pede que presidente sírio renuncie

Os ministros das Relações Exteriores da Liga Árabe pediram ao presidente sírio, Bashar al-Assad, que renuncie rapidamente.

O comunicado veio depois de uma reunião de emergência do grupo no Catar.

Eles ofereceram ainda uma rota de saída segura do país para Assad e sua família.

A Liga Árabe também pediu à oposição que forme um governo de transição.

Enquanto isso, o presidente sírio ordenou que suas tropas redobrem seus esforços na capital, Damasco, e na segunda maior cidade do país, Aleppo. Forças do governo recapturaram dois distritos (Barzeh e Mezzeh) em Damasco.

Um porta-voz dos rebeldes disse mais cedo que eles tomaram controle de uma escola militar no norte de Aleppo.