Rio de Janeiro é eleito melhor destino turístico 'custo benefício' em 2013

Atualizado em  24 de outubro, 2012 - 06:19 (Brasília) 08:19 GMT
Cristo Redentor / Ricardo Zerrenner/Riotur

Rio foi considerada o melhor destino turístico na categoria 'custo benefício' em 2013

O ano de 2013 é ideal para visitar o Rio de Janeiro antes que os preços subam devido à Copa de 2014 e à Olimpíada de 2016, recomenda o famoso guia Lonely Planet, que divulgou nesta terça-feira sua lista com sugestões dos melhores destinos turísticos para o ano que vem.

O Rio ocupa o topo do ranking na categoria "best value" - melhor 'custo benefício' -, ainda considerado adequado para quem viaja com um orçamento apertado.

"Se você tem planos para visitar as praias e os simbólicos pontos turísticos do Rio, este (2013) pode ser o ano para isso", diz um trecho do guia.

"Depois, os grandes eventos chegarão rápido, trazendo desenvolvimento, crescimento em infraestrutura e, em muitos casos, preços mais altos aos visitantes. Venha agora e veja uma cidade em processo de aperfeiçoamento para receber o mundo, mas antes que os custos aumentem.", acrescenta a resenha.

Na mesma categoria 'custo benefício', o Rio de Janeiro é seguido pelos seguintes destinos turísticos: Gotemburgo, na Suécia, Namíbia, Camboja, Bolívia, Portland, no Estado americano do Oregon, Espanha, Eslovênia, Nepal e Geórgia.

O guia também destaca o Sri Lanka como o melhor país para se visitar em 2013; São Francisco, nos EUA, foi eleita a melhor cidade.

O Brasil é ainda mencionado no ranking de melhores cidades planejadas, com Brasília.

As listas fazem parte da edição Best in Travel 2013, que enumera, em ordem de importância, os dez países, regiões e cidades para serem visitados no ano que vem.

O guia também inclui outros rankings com sugestões de viagens, como os melhores destinos nas categorias "cuidado com a saúde" e "lugares onde se pode testar coisas novas".

Cidades

São Francisco, descrita como "a queridinha da costa oeste dos EUA", foi escolhida como a melhor cidade para se visitar em 2013 por suas "famosas montanhas", "terremotos" e "sua inclinação pela política liberal".

O guia acrescenta que a cidade continua a atrair gente de "todos os tipos", "abraçando efusivamente todos os recém-chegados no coração de sua mistura cultural".

Na lista das melhores cidades para se visitar no ano que vem, chama atenção também a presença de Addis Abeba, capital da Etiópia, em nono lugar, a única da África. Segundo o guia, "a cidade está evoluindo em um ritmo rápido, semelhante a de um maratonista etíope".

"Fundada há pouco mais de um século, Addis Abeba, que em amárico significa "Nova Flor", não é apenas a capital diplomática da África como uma metrópole próspera", acrescenta a resenha.

Países

No ranking dos países, a primeira posição foi ocupada pelo Sri Lanka. Segundo o guia, "após um tsunami devastador e uma guerra civil que durou de 1983 a 2009, o país está se reerguendo ao apostar na indústria do turismo, e o número de turistas vem crescendo desde então", disse o guia.

A pequena ilha no Oceano Índico é seguida de perto por Montenegro, na Europa Oriental, onde, segundo a resenha, "a natureza é prolífica e criativa", produzindo "paisagens icônicas como a Baía de Kotor e as populares praias ao longo de sua riviera".

O guia também relembra ao viajante que vista o país de "levar um par de botas de escalada junto com um traje de banho".

Coreia do Sul, Equador, Eslováquia, Ilhas Salomão, Islândia, Turquia, República Dominicana e Madagascar completam a lista.

Leia mais sobre esse assunto

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.