Medalhista relata mudança radical de personalidade após acidente

Atualizado em  16 de novembro, 2012 - 11:06 (Brasília) 13:06 GMT
James Cracknell (BBC)

Cracknell ganhou duas medalhas de ouro, em 2000 e 2004

O atleta e medalhista olímpico britânico James Cracknell relatou em um livro, escrito com sua esposa, a mudança radical em sua personalidade que ocorreu após ter sido vítima de um acidente.

Em julho de 2010, o atleta foi atingido por um caminhão enquanto disputava uma prova nos Estados Unidos, na qual tinha que remar, correr, nadar e pedalar em um percurso de Los Angeles a Nova York durante 16 dias.

Desde o acidente, no qual seu crânio foi atingido pelo espelho retrovisor do caminhão e ele sofreu danos no lobo frontal do cérebro, a personalidade de Cracknell mudou radicalmente o que afetou seu relacionamento com a mulher e o filho.

Em entrevista à BBC, ele conta que se tornou agressivo e que seu filho mais velho, frequentemente, era alvo de sua violência.

"Nunca bati nele (no filho), mas o que foi muito difícil para ele foi (a minha) imprevisibilidade. Acho que toda criança precisa de um grau de previsibilidade", disse o atleta em entrevista ao programa Hardtalk, da BBC.

"Os traços de sua personalidade ficam mais fortes. Eu me irritava muito quando ele falava de boca cheia (por exemplo), e ele tinha apenas sete anos de idade na época (...) era uma luta para ficarmos juntos à mesa."

"Não foi justo com ele. Por seis anos, ele teve um pai e, nos últimos anos, ele teve outro pai. Agora, eu sou diferente do que eu era 18 meses atrás", acrescentou.

O comportamento agressivo de Cracknell chegou a ameaçar a segurança de sua mulher, Beverley Turner. Quando ela estava grávida, eles tiveram uma discussão violenta e ele tentou estrangular a esposa.

O atleta conta que seu objetivo com o livro recém-lançado, chamado de Touching Distance, é ajudar a outras vítimas e suas famílias e que, por isso, os depoimentos, seus e de sua esposa, foram escritos separadamente.

Cracknell é um dos atletas mais bem-sucedidos da Grã-Bretanha. Conquistou a medalha de ouro no remo em 2000, em Sydney, e 2004, em Atenas.

Depois das vitórias olímpicas, ele se dedicou a esportes como maratonas envolvendo nado, corrida, ciclismo, entre outros, e completando provas como a que o levou de Dover, na Grã-Bretanha, até à África, pedalando, nadando e remando em apenas dez dias.

Casamento ameaçado

Cracknell conta que não se lembra muito bem da noite em que atacou a esposa pois sua memória melhorou lentamente depois do acidente.

"Me lembro da irmã dela (chegando em casa). Acho que ela ligou para a irmã e ela veio, não lembro o que a irmã dela me disse. Mas Bev se aproximou, me abraçou e disse 'não é você'. E não era eu, aconteceu uma vez, nunca tinha acontecido antes."

"Fazer com que uma pessoa que amo de forma incondicional passe por isso, seja por uma situação como aquela ou apenas por discussões(...) é realmente horrível. Nunca conseguirei me perdoar por isso. Você olha no espelho e vê a mesma pessoa", disse.

O atleta reconhece que cometeu erros durante sua recuperação.

"Eu não abordei a terapia de reabilitação do jeito certo, não me comprometi da forma necessária", disse.

"Eu estava bem. Para mim o mundo estava bem, só as pessoas estavam me tratando de um jeito diferente."

O atleta tem três filhos com Beverley e, além de ser colunista e comentarista de esportes, também participa de expedições e documentários.

Leia mais sobre esse assunto

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.