Cobra píton se prende em asa de avião durante voo

Atualizado em  14 de janeiro, 2013 - 08:39 (Brasília) 10:39 GMT

Player

Animal conseguiu permanecer agarrado ao avião apesar de vento e temperaturas de 12 graus negativos.

Assistirmp4

Para executar este conteúdo em Java você precisa estar sintonizado e ter a última versão do Flash player instalada em seu computador.

Formatos alternativos

A cena parecia ter sido retirada de um filme catástrofe, como o longa Serpentes a Bordo, com Samuel L. Jackson.

Uma serpente píton de mais de 3 metros deu um verdadeiro show de resistência para o passageiros de um voo da Quantas que ia da cidade australiana de Cairns até Papua Nova Guiné.

A serpente se agarrou à asa do avião e ali permaneceu pelo tempo de duração do voo e de e um filme de longa metragem - um total de uma hora e cinquenta minutos.

O animal demonstrou enorme resistência mesmo enfrentando ventos de 400 quilômetros por hora e temperaturas de -12 graus.

Os passageiros só se deram conta de que o animal estava lá 20 minutos após a decolagem, quando uma mulher apontou para o lado de fora.

Mas infelizmente para a serpente não houve um final feliz. O corpo do animal acabou ficando preso em um motor do avião.

Quando o avião aterrissou em Port Moresby, a píton estava morta.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.