Abusos em presídio teriam motivado onda de violência em SC

Atualizado em  5 de fevereiro, 2013 - 15:10 (Brasília) 17:10 GMT

Player

Vídeo mostra violência contra detentos; onda de violência

Assistirmp4

Para executar este conteúdo em Java você precisa estar sintonizado e ter a última versão do Flash player instalada em seu computador.

Formatos alternativos

Um vídeo divulgado pelo jornal A Notícia, de Santa Catarina, mostra cenas de tortura no que aparenta ser um presídio em Joinville que teriam motivado a onda de violência no Estado.

As imagens, cedidas à BBC Brasil, mostram agentes penitenciários usando bombas de gás lacrimogêneo, spray de pimenta e disparando com tiros de borracha contra dezenas de detentos nus agachados contra uma parede, sem mostrar resistência.

O vídeo mostra cenas de tortura contra detentos em presídio

Segundo o juiz de execuções penais de Joinville, João Marcos Buch, a violência ocorreu durante uma operação realizada por agentes do Deap (Departamento de Administração Prisional), enviados da capital, Florianópolis, ao Presídio Regional de Joinville no dia 18 de janeiro.

Dessa forma, os abusos contra os detentos teriam antecedido a atual onda de ataques incendiários e a tiros contra ônibus, carros e bases da polícia, iniciada no último dia 30.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.