Linha do tempo: A tecnologia e os encontros amorosos

Atualizado em  14 de fevereiro, 2013 - 14:44 (Brasília) 16:44 GMT

Algumas pessoas simplesmente têm a sorte de esbarrar com quem vão dividir suas vidas. Mas, para outras, é preciso uma ajudinha, algo um pouco mais específico. Veja abaixo como as pessoas utilizaram a tecnologia através do tempo na busca por alguém para amar.

  • Impresso
  • Online
  • TV
  • Celular

A linha do tempo dos encontros amorosos

  • 1695

    Os primeiros "Corações solitários"

    O primeiro anúncio de classificados de relacionamentos de que se tem notícia data de 19 de julho de 1695, na publicação "A Collection for Improvement of Husbandry and Trade" no Reino Unido. O anúncio é de um "cavalheiro" que espera "se unir" a uma "boa e jovem dama".

  • 1870-75

    Notícias matrimoniais

    O "Matrimonial News", no Reino Unido foi o 1º jornal dedicado a solteiros; depois dele, surgiram diversas revistas dirigidas a casamentos; no ano de 1900 já havia cerca de 20 publicações dedicadas a pessoas que procuravam parceiros.

  • 1915

    Soldado solitário

    No século 20, criou-se um mercado para classificados de relacionamentos; o jornal britânico "Daily Express" publicou reportagem sobre "o homem mais solitário do front" - um soldado da 1ª Guerra Mundial que buscava mulheres com quem se corresponder. Ele recebeu 470 cartas em 2 dias.

  • 1944

    "Marriage Bureau", em 1940

    Nesta agência de namoro, homens e mulheres tinham de preencher formulários confidenciais com detalhes pessoais e uma descrição sobre seus parceiros ideais. A agência britânica "The Marriage Bureau" unia perfis semelhantes e marcava o primeiro encontro.

  • 1951

    Assassinos de solitários

    Martha Beck e Raymond Fernández identificavam viúvas nos Estados Unidos que publicavam anúncios em classificados de relacionamentos. Fernández seduzia as mulheres e as roubava, enquanto Beck se fazia passar por irmã dele. Os dois foram condenados por três assassinatos e executados em 1951. A história do casal inspirou o filme "Lua de Mel de Assassinos" nos anos 1970.

  • 1959

    Computadores "casamenteiros"

    Como projeto de conclusão de curso, estudantes de matemática da Universidade Stanford (EUA) desenvolveram o Serviço de Planejamento de Famílias Felizes em um computador da IBM. Eles arranjaram encontros entre 49 homens e mulheres que haviam preenchido formulários e cujos perfis foram combinados de forma computadorizada. O projeto resultou em um casamento.

  • 1965

    "The Dating Game"

    "The Dating Game" foi o primeiro de seu gênero e abriu caminho para outros programas de namoro na TV em 18 países. Quarenta e cinco anos depois, em março de 2011, uma versão do "Dating Game" foi lançada para Facebook, Twitter e outras mídias sociais.

  • 1965

    Operação Cupido

    Em 1965, dois estudantes de Harvard deram início a uma "Operação Cupido", usando cartões informatizados que organizavam encontros entre os estudantes. Estes pagavam US$ 3 para receber os perfis de ao menos 5 parceiros em potencial.

  • Anos 1980

    Bate-papo virtual

    Sistemas que serviram como precursores da internet permitiram a comunicação online. As pessoas começaram a se comunicar remotamente e a se apaixonar em salas de bate-papo virtual, sem sequer se conhecer pessoalmente.

  • 1985-2003

    Encontro às cegas na Grã-Bretanha

    O programa Blind Date ("Encontro às Cegas"), apresentado por Cilla Black, no horário nobre da TV britânica, era super popular: chegou a ter 18 milhões de espectadores nos anos 1980. Um homem ou uma mulher fazia três perguntas a três membros do sexo oposto, que ficavam atrás de uma tela, e escolhia a pessoa cujas respostas mais gostava. Um casal formado no programa em 1998 está junto até hoje.

  • 1995

    Supermercado do amor na internet

    O site Match.com permitiu aos usuários postar seu perfil e buscar perfis de potenciais parceiros. Muitos sites copiaram a fórmula nos anos seguintes, dando aos solteiros a opção de pesquisar anúncios pessoais online. Em junho de 2001, o site chegou a 2 milhões de membros.

  • 1998

    Amor por e-mail

    O filme "Mensagem Para Você" apresenta dois donos de livraria (interpretados por Meg Ryan e Tom Hanks) envolvidos em uma disputa comercial. Mas os dois se apaixonam enquanto trocam e-mails anonimamente. O filme reduziu o estigma envolvendo o namoro online, dizem alguns psicólogos.

  • 2000

    Cupido "científico"

    A segunda geração do namoro online começou com o lançamento do eHarmony.com. em 2000, dizem analistas. O site diz oferecer um novo sistema de compatibilidade 'com base científica' - um sistema baseado em algoritmos.

  • 2000

    Pais-cupido no parque

    Pais chineses colocam anúncios em grades de parques em nome de seus filhos, detalhando porque acham que estes são ótimos partidos. A ideia é que outros pais leiam os anúncios e façam o papel de cupido entre seus filhos.

  • 2001

    Ilha da Sedução

    "Temptation Island" (que no Brasil virou "Ilha da Sedução") é um reality show dos EUA em que casais aceitam viver em uma ilha paradisíaca ao lado de pessoas solteiras, para testar a solidez de seus relacionamentos. O programa foi transmitido em 17 países.

  • 2003

    Namoro online é um grande negócio

    Jiayuan.com, lançado em 2003, é atualmente o maior site de relacionamento online da China. Recebe, segundo estimativas, mais de 9 milhões de usuários únicos por mês.

  • 2006

    Quer marcar um encontro agora?

    O Badoo é um aplicativo de localização para pessoas que não se conhecem mas querem se conectar espontaneamente por meio de seus celulares. O serviço diz ter mais de 170 milhões de usuários registrados em 180 países.

  • 2009

    Aplicativo para gays

    Grindr, aplicativo para relacionamentos entre homens homossexuais, foi lançado em 2009. Baseado na localização dos usuários, o app viabiliza encontros entre participantes dentro de uma determinada área. O Grindr disse ter 4 milhões de usuários em 192 países em 2012.

  • 2010

    Se você é o escolhido

    "Fei Cheng Wu Rao", o mais popular programa de namoro da TV chinesa, foi ao ar em janeiro de 2010. Um homem se apresenta a 24 mulheres posicionadas em um pódio, que acendem holofotes se estiverem interessadas no potencial parceiro. Se todas as luzes dos holofotes se apagarem, ele perde. O programa ganhou versões internacionais, como "Take Me Out", na TV britânica.

  • 2012

    Paquera no outdoor

    O pedido de Natal do milionário californiano Marc Paskin era simples: ele queria uma namorada latina. Em vez de recorrer a um anúncio de classificados, anunciou em um enorme outdoor em uma rodovia de San Diego. Ele recebeu 15 mil respostas.

  • 2013

    O avanço do namoro online

    Há mais de mil sites dedicados a encontros online no mundo. O Inshallah.com é o segundo mais popular no Oriente Médio e na África; o Shaadi.com, na Índia; e o PlentyofFish, entre os britânicos. Cerca de 10% dos usuários da web usam sites de relacionamento online.

2013 e além

  • Eli Finkel

    Especialista em psicologia da Northwestern University

    Companhias de internet fazem eventos chamados "stir", com encontros cara a cara. Afinal, o algoritmo que você tem entre suas orelhas é melhor do que qualquer outro programa de computador."

  • Dawn Shepherd, Ph.D.

    Professor assistente, departamento de inglês, Boise State University

    Se as pessoas continuarem indo aos encontros, todos os sistemas vão funcionar. É algo como comprar online. Existe um grande estoque de parceiros em potencial. Os encontros amorosos passaram por uma transformação."

  • Doutor Anders Sandberg

    Faculdade de Filosofia, Oxford University

    Daqui a 50 anos, a interação será baseada em mídias sociais avançadas, nós usaremos tecnologia para nos ajudar a continuar juntos. Então, ao invés de termos uma chave para um apartamento, teremos uma chave para uma rede de relacionamentos."


BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.