Em tribunal, Pistorius alega que matou namorada por engano

Atualizado em  19 de fevereiro, 2013 - 11:15 (Brasília) 14:15 GMT
Oscar Pistorius (Foto Reuters)

Pistorius disse que nunca teve intenção de matar a namorada

O medalhista paralímpico sul-africano Oscar Pistorius, que está sendo julgado por ter assassinado a tiros sua namorada, disse nesta terça-feira que a amava, nunca teve a intenção de matá-la e atirou nela porque a confundiu com um ladrão.

A versão do atleta dos acontecimentos na noite de 13 de fevereiro foi apresentada em um comunicado lido por seu advogado de defesa, Barry Roux, em um tribunal em Pretória (norte do país).

Jornalistas no tribunal disseram que o atleta chorou enquanto Roux falava.

A audiência ocorreu enquanto a família da namorada, Reeva Steenkamp, participava de seu funeral na cidade de Port Elizabeth (sul da África do Sul).

Escuridão

Segundo o relato do atleta, ele e Steenkamp haviam decidido passar a noite de 13 para 14 de fevereiro juntos.

Em dado momento, enquanto estava na varanda, Pistorius teria ouvido um barulho. "Estava muito escuro. Eu não tinha minhas próteses e me sentia vulnerável", disse o atleta.

Segundo a defesa, o réu acreditava que a namorada estava na cama e que havia um intruso no banheiro. Ele então atirou através da porta do banheiro, acreditando que estava atingindo o invasor.

Ao perceber que a namorada não estava na cama, o atleta sentiu “horror e medo”, de acordo com o comunicado. Ele então disse ter usado um taco de críquete para derrubar a porta, encontrando o corpo da namorada.

Promotoria

Os promotores, porém, acusam Pistorius de assassinato premeditado.

Pela tese da acusação, o atleta teria colocado sua prótese e andado sete metros antes de atirar quatro vezes contra a porta trancada do banheiro em estava Steenkamp.

Em seguida, segundo o promotor Gerrie Nel, o medalhista também teria arrombado a porta e carregado o corpo da namorada para o andar inferior da casa.

O velocista, que ficou famoso mundialmente ao se tornar o primeiro atleta paralímpico a disputar provas das Olimpíadas usando próteses, está pedindo para responder o processo em liberdade, após pagamento de fiança.

A cremação do corpo de Steenkamp está marcada para a tarde desta terça-feira. A modelo tinha 30 anos e começou a namorar Pistorius em novembro.

Leia mais sobre esse assunto

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.