Mandela está 'bem melhor', diz presidente da África do Sul

  • 27 junho 2013
AFP
Image caption Mensagens de apoio a Mandela em frente ao hospital em Pretória

O presidente da África do Sul, Jacob Zuma, disse que o estado de saúde de Nelson Mandela melhorou, mas permanece crítico.

"Ele está bem melhor hoje (quinta-feira) do que quando o vi na noite passada", disse Zuma depois de conversar com a equipe médica de Mandela.

O primeiro presidente negro da África do Sul e ícone da luta contra o apartheid está internado em um hospital em Pretória desde 8 de junho tratando uma infecção pulmonar.

Zuma cancelou uma visita a Moçambique para visitar Mandela no hospital.

Uma neta de Mandela, Ndileka, também disse que o estado de saúde de seu avô é estável, porém crítico.

O estado de saúde de ex-líder sul-africano havia se deteriorado nos últimos dias.

Multidões emocionadas continuam a se aglomerar em frente ao hospital de Pretória, deixando mensagens de apoio a Mandela - conhecido pelo nome de seu clã, Madiba.

Correspondentes dizem que os sul-africanos pareciam estar resignados diante da perspectiva de sua morte.

"Não queremos ver Mandela passando por tanta dor, ele sofreu muito em sua vida e passou por muitas dificuldades. Acho que essa luta deveria acabar em breve", disse à BBC Khulile Mlondleni.

"Todos vamos nos sentir muito mal quando ele se for, mas ao mesmo tempo estamos celebrando sua vida. Ele fez tantas coisas grandiosas por este país", disse John Ndlovu, de 25 anos.

O porta-voz da Presidência, Mac Maharaj, disse na noite de quarta-feira que o estado de Mandela havia deteriorado no fim de semana.

O Gabinete do presidente Zuma advertiu contra especulações sobre a saúde de Mandela, afirmando que qualquer anúncio sobre seu estado viria do próprio presidente, ou do porta-voz, Maharaj.

Mandela é reverenciado pela luta contra o apartheid e por pregar a reconciliação no país, apesar de ter ficado preso por 27 anos.

Notícias relacionadas