A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

Número de mortos em naufrágio no sul da Itália pode chegar a 300

  • 3 outubro 2013

O número de mortos no naufrágio perto da costa da ilha de Lampedusa, no sul da Itália, pode chegar a 300, segundo autoridades.

Mais de cem corpos já foram recuperados depois que um barco superlotado de imigrantes africanos naufragou.

Uma operação da guarda costeira resgatou cerca de 150 sobreviventes, mas muitos ainda estão desaparecidos.

O governo decretou dia de luto nesta sexta-feira e todas as escolas do país farão um minuto de silêncio em memória das vítimas.

Superlotação

Image caption Nova tragédia acontece dias depois da morte de 13 migrantes na Sicília

Segundo relatos, o barco ia da Líbia para a Sicília com mais de 500 pessoas a bordo quando um incêndio começou.

Os imigrantes vinham de países africanos como Eritreia e Somália.

Nesta época do ano, quando o mar está mais calmo, africanos chegar à Europa quase todos os dias em barcos frequentemente superlotados e sem estrutura para a jornada.

No início desta semana, outros corpos foram retirados de uma praia na Sicília. Treze migrantes morreram quando tentavam sair nadando de um barco que se aproximava da costa.

A guarda costeira italiana suspeita que a tripulação forçou alguns deles a se atirarem na água.