Macacos em Gibraltar | Foto: BBC
A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

Excesso de macacos 'encrenqueiros' leva Gibraltar a exportar animais

  • 22 agosto 2014

Os macacos são alguns dos mais famosos moradores de Gibraltar, enclave britânico no sul da Espanha.

O grupo de 200 macacos-de-gibraltar (Macaca sylvanus) - que teriam sido levados à península ibérica por povos do norte da África há séculos - é a única população de macacos selvagens na Europa.

Eles vivem no rochedo de Gibraltar e são uma atração para os visitantes, mas à procura de comida, eles estão se aventurando cada vez mais entre os humanos.

Frequentemente, famílias de macacos podem ser vistas na cidade e até dentro de escolas, o que tem causado preocupação entre os moradores.

"Bandos inteiros com um líder macho vêm aqui três vezes por semana, nos últimos meses. A maior parte deles é fofinha, mas alguns têm comportamento agressivo e ameaçador", diz Louise Napoli, diretora da Escola Convento Loreto.

Agora, as autoridades locais planejam exportar pelo menos 30 animais, em um esforço para controlar a população.

Até que sejam enviados para um parque estrangeiro, durante o outono europeu, eles serão mantidos em um centro de cuidados especiais, onde serão atendidos por veterinários.

Mais espaços abertos também estão sendo criados em Gibraltar, para evitar que os animais frequentem a cidade.