Bolívia faz campanha por 'boa forma' de soldados e policiais

Soldados bolivianos | Foto: Reuters Direito de imagem Reuters
Image caption Evo Morales reclamou da aparência dos soldados e policiais da Bolívia no início de dezembro

As forças armadas da Bolívia começaram a registrar seus soldados que estão acima do peso, depois que o presidente Evo Morales reclamou que muitos deles estavam fora de forma.

Autoridades militares dizem que irão monitorar o peso dos oficiais antes de exames profisionais, para associar a possibilidade de ser promovido à manutenção da boa forma.

O ministro de Defesa boliviano, Ruben Saavedra, disse que os soldados "precisam estar preparados, tanto intelectualmente quanto fisicamente".

A polícia também proibiu que seus oficiais acima do peso usem uniformes até emagrecerem.

Responsabilidade

A decisão já pode estar trazendo bons resultados, ainda que inesperados.

Na cidade de Oruro, ao sul da capital La Paz, dois policiais que estavam à paisana por causa da nova ordem conseguiram prender ladrões em um mercado de rua, aparentemente porque não usavam uniforme.

No dia 2 de dezembro, Evo Morales afirmou que soldados e policiais que deixassem a forma física de lado não deveriam ser promovidos.

Ele disse ainda que manter a boa forma é uma "responsabilidade" das forças de segurança.

Militares e oficiais de polícia reclamaram da falta de equipamentos esportivos, que o governo está enviando para os quartéis e delegacias do país.

Notícias relacionadas