A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

Filme reabre debate sobre perseguição a albinos na Tanzânia

O filme White Shadow, co-produção tanzaniana, francesa e alemã dirigida por Noaz Deshe, uma das atrações da última edição de um festival londrino de cinema dedicado a direitos humanos, trouxe à tona mais uma vez o drama em torno da perseguição a albinos na Tanzânia.

O longa retrata a vida de um garoto albino que foge da zona rural do país para deixar de ser perseguido, mas não encontra uma realidade muito diferente na cidade grande.

Além do preconceito, uma crença brutal ainda presente no país diz que partes dos corpos dos albinos podem trazer riquezas e boa sorte.

Os produtores do filme dizem ter esperança de que a obra lance luz sobre o problema.