Fidel Castro reaparece em público após 14 meses

Fidel Castro (Foto: Reuters) Direito de imagem Reuters
Image caption Líder cubano não aparecia em público desde janeiro de 2014

O ex-presidente de Cuba, Fidel Castro, fez sua primeira aparição em público após 14 meses recluso.

Ele se encontrou com uma delegação de autoridades venezuelana em visita a uma escola local.

Meios de imprensa locais escreveram que o líder político de 88 anos de idade estaria em pleno vigor.

Ele foi fotografado usando um boné e um agasalho esportivo.

Leia mais: Cuba divulga primeiras fotos de Fidel Castro em 6 meses

Fidel Castro era muito próximo ao ex-presidente venezuelano Hugo Chavez, que forneceu a Cuba petróleo a preços subsidiados.

A última vez que o líder cubano havia sido visto em público foi em janeiro de 2014.

Em fevereiro deste ano ele havia recebido em sua casa cinco espiões cubanos que foram libertados após cumprir sentenças de prisão nos Estados Unidos.

Segundo o governo cubano, eles foram capturados em território americano em 1998 enquanto investigavam grupos extremistas contrários ao governo cubano que realizaram uma série de atentados na ilha.

Também em fevereiro, Fidel assinou uma carta em que apoiou indiretamente o diálogo entre Washington e Havana. Mas disse na ocasião que desconfiava dos políticos americanos.