'Donald Trump, você está demitido': emissora rescinde contrato com bilionário

AP Direito de imagem AP
Image caption Donald Trump é um dos maiores empresários americanos e, agora, pré-candidato à Presidência

O bilionário Donald Trump se acostumou a demitir participantes do reality show "O Aprendiz", mas agora as posições se inverteram.

A emissora NBC decidiu rescindir seu contrato com o empresário americano e afirmou que não transmitirá mais os concursos "Miss EUA" e "Miss Universo", realizados por uma empresa do empresário.

Leia mais: A resposta da filha de um imigrante a Donald Trump que viralizou

A razão apontada pela rede de televisão foram os "comentários ofensivos" feitos recentemente por Trump sobre imigrantes.

Ao anunciar sua pré-candidatura à Presidência dos Estados Unidos pelo Partido Republicano, o empresário acusou mexicanos de agravarem a questão das drogas e da criminalidade no país.

"Eles estão trazendo drogas, estão trazendo crimes, são estupradores, e acredito que alguns são boas pessoas, mas eu converso com os guardas das fronteiras e eles me dizem que isto está acontecendo", afirmou Trump em 16 de junho.

Leia mais: Cinco momentos: os altos e baixos da relação Dilma-Obama

Ele também prometeu construir uma "muralha" na fronteira entre os Estados Unidos e o México, que seria paga pelos mexicanos.

Mais tarde, o empresário afirmou que estava criticando os legisladores americanos, não o povo do México.

Diante do anúncio de que a NBC rescindiria o contrato com sua empresa, ele disse que processará a emissora.

Pressão

Direito de imagem AP
Image caption NBC cancelou transmissão do 'Miss EUA' e do 'Miss Universo'

A rede de televisão vinha sofrendo grande pressão de grupos de defesa de minorias hispânicas para tomar esta atitude por meio de um abaixo-assinado do site Change.org, que reuniu mais de 200 mil assinaturas.

Nesta segunda-feira, a NBC divulgou um comunicado anunciando sua decisão em que disse que "respeito e dignidade para todas as pessoas estão entre seus valores básicos".

No entanto, a emissora disse que o "O Aprendiz - Celebridades", versão do reality show de Trump, continuará a ser exibido, por ser licenciado por outro grupo empresarial.

Trump parou de apresentar o programa ao entrar na corrida presidencial.

Leia mais: Suprema Corte dos EUA legaliza casamento gay em todo país; veja reações

O empresário disse em um comunicado que reafirma seus comentários sobre imigração ilegal, "que são precisos".

"A NBC é fraca e, como todo mundo, está tentando ser politicamente correta - é por isso que nosso país passa por sérios problemas", afirmou Trump, acrescentando que a emissora violou o termos do contrato e que tal medida seria "avaliada por uma corte".

A NBC é a segunda emissora a suspender a cobertura do "Miss EUA". Uma das maiores emissoras em espanhol do país, a Univision, já havia anunciado na semana passada que fará o mesmo.

Trump acusou o governo mexicano de pressionar a Univision a tomar tal atitude: "Eles querem silenciar Donald Trump. E Donald Trump não pode ser silenciado".