As piores coisas que você pode fazer no ambiente de trabalho

(Foto: Thinkstock) Direito de imagem Thinkstock

Em qualquer ambiente de trabalho há alguém que não se dá bem com os colegas.

A maioria das pessoas se esforça bastante para evitar cometer erros graves no campo profissional, mas normalmente são alguns hábitos ou comportamentos do dia a dia que acabam provocando os maiores danos à reputação.

Algumas pessoas aprendem isso da forma mais difícil – e outras nem chegam a aprender.

Mas quais são esses erros? E o que é tão terrível neles?

A assunto é um dos comentados por usuários da rede social LinkedIn, voltada para relações profissionais. Dois empresários, listados entre os Influencers do site (grupo de pessoas tidas como muito influentes nos seus ramos de trabalho) já compartilharam suas visões sobre o que fazer – e, principalmente, o que não fazer. Confira abaixo:

Travis Bradberry, presidente da TalentSmart

O executivo escreveu um post chamado "Os 9 piores erros que você pode cometer no trabalho".

"Não importa seu talento ou o que você já conquistou – alguns comportamentos mudam instantaneamente a forma como as pessoas te veem e te dão uma aura negativa", disse.

Das 9 falhas listadas por ele, selecionamos 5:

1) Apunhalar pelas costas

"O nome diz tudo. Apunhalar seus colegas pelas costas, intencionalmente ou não, é uma grande fonte de problemas no trabalho", escreveu Bradberry.

"Uma das formas mais comuns de se fazer isso é passar por cima de alguém para resolver um problema. As pessoas normalmente fazem isso em uma tentativa de evitar conflitos, mas acabam criando ainda mais conflitos assim que a vítima sente o golpe."

Direito de imagem Thinkstock
Image caption Fofocar no ambiente de trabalho não é recomendado

2) Fofocar

"As pessoas causam uma péssima impressão quando se deixam levar por fofocas sobre outras pessoas", escreveu ele.

"Chafurdar-se em conversas sobre os infortúnios dos outros podem acabar machucando-os se a fofoca chegar até eles. Mas a fofoca vai acabar prejudicando sua imagem todas as vezes, isso com toda a certeza."

3) Dizer que odeia o trabalho

"A última coisa que alguém quer ouvir no trabalho é outra pessoa falando sobre como odeia o trabalho. Fazer isso te rotula como uma pessoa negativa e diminui a moral da equipe", afirmou Bradberry.

"Os chefes descobrem logo quem são essas pessoas que puxam o time para baixo, e sabem que há pessoas que as substituiriam com prazer esperando na esquina."

4) Comer comida que cheira

"A não ser que você trabalhe em um navio, seus colegas vão se incomodar se você fizer todo o escritório ficar com cheiro de peixe. A regra geral é: qualquer coisa com um cheiro que possa extrapolar os limites da cozinha deve ser deixado em casa", disse Bradberry.

5) Contar mentiras

"Muitas mentiras começam com boas intenções – as pessoas querem proteger a si ou a outra pessoa –, mas as mentiras tendem a crescer e se espalhar até serem descobertas. E, assim que todo mundo descobrir que você mente, não tem como voltar atrás", avaliou.

Direito de imagem Thinkstock
Image caption Levar peixe e comida com cheiro forte para comer no escritório pode não ser uma boa ideia

Clinton Buelter, empresário, fundador de HardToFill.com

Se tivermos sorte, aprenderemos facilmente com nossos erros. Mas é mais comum que essas lições sejam aprendidas com certa dificuldade.

Em sua postagem, o recrutador e empresário Buelter escreveu que ele mesmo "cometeu muitos erros trabalhando como recrutador" e levou anos para perceber e corrigir isso.

Em um texto intitulado "Aprendi do jeito duro", ele elenca as lições mais importantes que aprendeu. Listamos três delas:

1) Se abra

"Pare de passar 80% do tempo pensando em como alguém vai fazer alguma coisa contra você. Pare de ser cético e pessimista", escreveu.

A dica a seguir, diz, é importante em qualquer carreira: "Descubra quem você quer ter na sua rede de contatos. E se torne acessível a eles".

2) Ser informal é bom

Depois da faculdade, muitas vezes achamos que temos de parecer formais e chiques. É isso que o mundo corporativo espera de nós, certo?

O conselho de Buelter vai na contramão: "Pare com essa bobagem. Corte isso das suas conversas, emails e do seu dia a dia. Quando você manda mensagens para um amigo ou parente, você não parece corporativo, né? Você pode usar um tom mais informal, e eles respondem. É um tom a que as pessoas se sentem conectadas".

3) Saia da sua mesa

"É fácil ficar estressado e frustrado com o trabalho. Você está sentado ali trabalhando duro, perdendo de vista o contexto maior a cada minuto", escreveu.

"Planeje um tempo para uma pausa. Então levante e saia da sua mesa. E não fique enrolando em algum lugar. Aproveite bem esse tempo."

Notícias relacionadas