Governo sírio propõe lei que permite criação de novos partidos

O governo da Síria aprovou nesta segunda-feira um projeto de lei que vai permitir a formação de novos partidos políticos, além do partido Baath - que permanece no poder há quase meio século.

O projeto será apresentado ao Parlamento para discussão no mês que vem. A proposta estipula uma série de condições para a criação de novos partidos - aqueles baseados em religião, sectarismo ou filiação tribal são proibidos.

O anúncio da iniciativa ocorre após quatro meses de protestos em massa contra o presidente Bashar al-Assad. O projeto de lei é a mais recente concessão oferecida pelo governo sírio, que também prossegue com a repressão violenta aos protestos.