Zapatero antecipa eleições espanholas em quatro meses

O primeiro-ministro espanhol, José Luis Rodríguez Zapatero, antecipou as eleições espanholas para novembro, quatro meses antes do esperado.

Segundo Zapatero, a antecipação permitirá que o novo governo consiga enfrentar os problemas econômicos da Espanha a partir de janeiro de 2012.

Horas antes, a agência internacional de crédito Moody´s ameaçou abaixar a nota do país por causa das perspectivas de pouco crescimento econômico.

O Partido Popular, principal partido de oposição do país, vem pedindo a antecipação das eleições desde o último mês de maio, quando o Partido Socialista, de Zapatero, sofreu sérias perdas nas eleições locais e regionais.

Zapatero já anunciou que não tentará a reeleição como primeiro-ministro.