Número de presos por violência na Inglaterra chega a 1.500

Mais de 1.500 pessoas foram presas por atos de violência nas ruas da Inglaterra nos últimos dias - mil somente em Londres.

Juízes na capital continuam a trabalhar durante a madrugada sentenciando as pessoas detidas e a maioria dos acusados parece ter recebido sentenças mais duras do que o normal, após as críticas feitas pela polícia e por políticos britânicos.

Um homem foi condenado a seis meses de prisão por ter roubado uma caixa de garrafas de água que custava o equivalente a US$ 5 (R$ 8).

Um suspeito foi preso pela morte de Richard Bowes, de 68 anos, que foi espancado enquanto tentava apagar um incêndio durante os distúrbios. É a quinta morte relacionada com o tumulto no país.

Nesta sexta-feira, alguns dos principais políticos britânicos deverão visitar algumas das áreas mais afetadas pela violência.