Homem que teria tramado assassinato de jornalista é preso na Rússia

A polícia da Rússia diz ter detido um ex-policial por suspeita de ter tramado o assassinato há cinco anos da jornalista Anna Politkovskaya.

A morte da repórter, conhecida pela cobertura do conflito na Chechênia e por suas críticas ao governo russo, despertou atenção sobre os riscos enfrentados por jornalistas na Rússia.

O ex-policial Dmitry Pavlyuchenkov foi preso pela suspeita de ter contratado um assassino profissional para realizar o assassinato e de ter obtido a arma do crime.

O suposto atirador que matou a jornalista foi preso em maio deste ano. Mas jornalistas afirmam que as duas detenções ainda não lançam luz sobre quem encomendou o crime.