Ataque de militantes mata 25 membros de forças de segurança paquistanesas

Pelo menos 25 membros das forças de segurança do Paquistão foram mortos em um ataque de militantes contra postos de fiscalização da polícia perto da fronteira com o Afeganistão.

Militares paquistaneses informaram que os soldados enfrentaram os militantes, matando 20 deles enquanto o resto fugiu para o Afeganistão.

O ataque ocorrido na manhã deste sábado envolveu centenas de militantes fortemente armados no vilarejo de fronteira em Chitral, na região noroeste do país.

Ataques pela fronteira tem sido motivo de tensão entre o Paquistão e o Afeganistão, dois países que lutam contra os insurgentes do Talebã e militantes ligados à organização Al-Qaeda.